Páginas

domingo, 1 de março de 2015

                                                 VIDA DE GADO


Em um país que o gado já foi marcado,lacrado e cercado,seus donos fazem o que bem querem.
Às vezes ameaça-se um estouro de boiada aqui e ali,mais esses ficam tão perdidos sem saber que lado ir que acabam sendo dominados com a maioria e e apresionados juntos com os mansos.
Passam fome,privações de seus direitos basícos,mas acomodados não conseguem sair.
O que mais nos define nos últimos anos é a música "vida de gado" se não  me engano de Alceu Valença.
Viramos um gado marcado pela política que aí está,cheia de corrupções,do tomá lá dá cá,cheia de maracútaias,e o povo ou melhor sua grande maioria se acomodou,em troca de uma esmola fornecida pelo governo,como se fosse um favor imenso que este estivesse fazendo.
Pois para aqueles que se acomodaram esses benefícios fornecidos pelo governo não passa de uma obrigação já que lhe arracam até as calças com os impostos arrecadados,e fiquem sabendo gado aprisionado que vocês é um dos que mais pagam impostos e que essa esmola que lhe são ofertadas é um nada perto dos desvios que são cometidos por detrás dessa "GENEROSIDADE GOVERNAMENTAL".
Quando será que o gado marcado irá  acordar para sua força e reagir,para começar a fazer que seu,o meu,os nossos impostos sejam realmente investidos em benefícios para todos e não somente para alguns previlegiados das máfias formadas de donos dos gados apresionados?...

FATIMA CRISTINA SANTOS