Páginas

domingo, 20 de outubro de 2013

POEMA-MEUS OLHOS...


*Será que ao olhares,* *Em meus olhos,* *Verás minha aflição?* *E a dor que está,* *Nesse meu coração.* *Terás a capacidade ,* *De ver a infelicidade,* *Que tenho no peito,* *E meu desassossego,* *E o acúmulo de meus medos?* *Pelos caminhos que percorri,* *Por muitas coisas boas e ruins,* *Passei e sobrevivi,* *Para que um dia chegando aqui,* *Conhecesse alguém como ti.* *Se,às vezes,cometo erros,* *Ou alguns enganos,* *É por desespero,* *Em querer acertar,* *E acabo por novamente errar.* *Mas como todo ser humano,* *Sou composto de virtudes e defeitos,* *E guardo dentro do peito,* *A esperança do amor perfeito,* *Sem meios termos...* (Fatima Cristina Santos)