Páginas

domingo, 14 de abril de 2013

POEMA-PAIXÕES MODERNAS.


*Quando começamos a nos comunicar,* *Logo sentir que iria me apaixonar.* *Seu jeito de falar,* *Entre muitos KKKs,* *Começaram a me conquistar.* *E as descobertas de afinidades,* *Começaram a aumentar.* *E teus comentários tão inteligentes,* *Sem ofender nenhuma gente,* *Começaram a alegrar.* *Esse coração solitário,* *Pronto para se apaixonar.* *E hoje o que mas quero,* *Meu desejo mas secreto,* *É de poder ti encontrar.* *E quando você some,* *Meu coração se consome,* *Num desespero de ti achar.* *Às vezes,coloco-me a questionar,* *Se não estou louca por me apaixonar,* *Por um pessoa que não conheço,*, *Que não sei seu endereço,* *Aonde será que isso vai dar.* *Mas paixões modernas são assim,* *Entre um e outro @mail,* *Não sabemos o que vamos encontrar.* *Então,porque não se apaixonar...*